top of page
  • clarissaliguori

Mudanças sutis na rotina pode melhorar a dificuldade para dormir

Nada é pior nessa vida que "pampecar" na cama antes de dormir. Tomar mais que 30 minutos tentando cair no sono não é normal e muitas vezes estão relacionados a hábitos ruins durante o dia. Um estudo recente publicado na Revista BMC Public Health por pesquisadores brasileiros da Universidade Federal de Ouro Preto trouxe uma interessante descoberta nesse sentido.



Os pesquisadores investigaram a relação entre o tempo que passamos sentados, a prática de exercícios físicos e a qualidade do sono em uma amostra de 1600 pessoas. Eles observaram que a chance de ter uma má qualidade de sono foi 77% maior em indivíduos que passavam 9 ou mais horas por dia sentados. Isso significa que o sedentarismo e o tempo prolongado em frente a telas podem afetar negativamente o nosso sono. No entanto, os pesquisadores também encontraram uma solução animadora.


Eles descobriram que praticar 1 minuto de atividade física moderada a vigorosa a cada hora em que estamos sentados reduz em 19% a chance de ter uma má qualidade de sono. Essa prática, chamada de "1 minuto de ataque de movimento moderado a vigoroso por hora sentado", pode ser considerada uma Pausa Ativa Consciente.


Ao incluir alongamentos, caminhadas curtas ou qualquer outra atividade que faça você se movimentar mais, é possível melhorar a circulação sanguínea, estimular a mente e relaxar o corpo, contribuindo para um sono mais tranquilo e reparador.


Reserve alguns minutos a cada hora para se movimentar, esticar o corpo e recarregar as energias. Além de melhorar a qualidade do sono, você estará cuidando da sua saúde de forma mais abrangente. Pratique pausas ativas!


Fonte: Menezes-Júnior et al, BMC Public Health, JUN 2023.




https://lnkd.in/d_Nfynyq

22 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page